2FD0210F-B249-4840-8B20-5B536956FEE6

Pandemia da Covid-19 pode levar 265 milhões à fome

Compartilhe:

Estimativas apontam para 2020 a possibilidade de que 260 milhões de pessoas fiquem em situação de fome, principalmente nos países mais pobres do mundo

A crise do coronavírus poderá jogar mais de 265 milhões de pessoas para uma situação de fome. O alerta foi publicado hoje (21) pela ONU e pela FAO, num informe sobre a desnutrição no mundo em 2019 e as projeções para 2020.

A estimativa era de que 130 milhões de pessoas estavam em uma situação severa de fome no ano passado. Para 2020, porém, as estimativas apontam para a possibilidade de que esse número dobre, principalmente nos países mais pobres do mundo.

“Covid-19 é potencialmente catastrófico para milhões de pessoas que estão por um fio”, disse Arif Husain, economista chefe do Programa Mundial de Alimentação. A entidade prevê que precisa, de forma urgente, US$ 350 milhões para lidar com essa crise, mas recebeu apenas um quarto desse valor.

África, Ásia e América Latina devem ser as regiões mais afetadas. Produção em queda, desemprego, perda de renda, queda de exportação, recessão global e crise sanitárias devem ser os principais ingredientes de um cenário considerado como alarmante.

Fonte: Luciana Freire/Metro1