Política

Jair Bolsonaro altera lei e decreta Simão Jatene como possível candidato ao governo do Pará

Reprodução

Após o presidente Jair Bolsonaro sancionar a lei que altera a legislação sobre inelegibilidade, permitindo a candidatura de quem teve contas relativas ao exercício de cargos ou funções públicas julgadas irregulares, sem danos ao erário, decretou de vez a candidatura do ex-governador Simão Jatene, como oposição ao atual governo de Hélder Barbalho(MDB).

Simão Jatene(PSDB), que já foi governador por três mandatos e nunca perdeu uma eleição, já estaria inclusive reunindo lideranças e organizando uma agenda para rodar o Pará.

Em 2019, uma suposta articulação do atual governador Hélder, conseguiu rejeitar as contas de 2018 do ex-governador, através dos deputados estaduais na ALEPA. Porém, o TCE – Tribunal de Contas do Estado, já havia aprovado a mesma conta, o que configurou uma manobra política.

De acordo com a Secretaria Geral da Presidência da República, o texto vai evitar sanções desproporcionais para quem foi punido por infrações meramente formais, com pequeno potencial ofensivo, que não tenham causado danos ao Erário nem enriquecimento ilícito aos agentes.

Informações: O antagonista

Compartilhe:

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também