Esportes

Após goleada e eliminação, Renato Gaúcho pede demissão do Flamengo

Reprodução

Renato Gaúcho segue como técnico do Flamengo mesmo após a traumática eliminação para o Athletico-PR na Copa do Brasil. E por decisão da diretoria. Após a derrota por 3 a 0 na noite desta quarta-feira, no Maracanã, o treinador entregou o cargo, mas foi demovido da ideia por Marcos Braz e Bruno Spindel ainda no vestiário. O clima, por sua vez, está longe de ser leve.

A insatisfação contra Renato, se dá pelo conteúdo do treinador nos treinos do rubro-negro. Os relatos dão conta de muitos trabalhos coletivos, seja em campo aberto (com 11 jogadores) ou reduzido, e pouco detalhamento específico de questões táticas. A sequência de atuações ruins, que chega a quatro partidas sem vitórias, com dois empates e duas derrotas, agravou o clima de cobranças.

Pressionado faltando um mês para a final da Libertadores, contra o Palmeiras, Renato Gaúcho e o Flamengo têm mais uma decisão pela frente: sábado, às 19h (de Brasília), no Maracanã, contra o Atlético-MG, pela 29ª rodada do Brasileirão.

Fonte: Ge

Compartilhe:

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também